julho 2011


A deputada Nilda Gondim (PMDB-PB), autora do Projeto de Lei 579/11, que obriga os centros comerciais a destinar assentos preferenciais para idosos, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida e gestantes nas praças de alimentação.

A proposta determina que pelo menos 5% dos assentos sejam preferenciais e estejam em locais de fácil acesso ao atendimento e à circulação.

A Lei 10.048/00 já prevê prioridade de atendimento em bancos e órgãos públicos e assentos específicos em meios de transporte coletivo para pessoas com deficiênciaidosos, gestantes, mães com bebês e pessoas com crianças de colo.

De acordo com Nilda Gondim, os shoppings centers precisam urgentemente se preocupar com a acessibilidade. “Não adianta contar apenas com praças maravilhosas. Devem atender a todos sem restrições ou discriminações de qualquer sorte.”

A parlamentar afirma que muitas praças de alimentação não favorecem a acessibilidade de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. Ela critica a disposição de móveis e o formato de mesas que dificultam o trânsito de cadeirantes, por exemplo.

Informações retiradas do site http://www2.camara.gov.br/

Seja um bom exemplo, deixe seu banheiro acessível com os produtos do  Meu Banheiro.  Ligue para (11) 3032-0074.

Assento Fit para Celite em polipropileno Branco Polipropileno

O Assento Fit para Celite em polipropileno, está disponível nas cores branco, preto, rosato, água marinha, pergamon e cinza prata. Este modelo também está disponível em polipropileno e polipropileno com soft close. O assento é fabricado sob um molde rígido, que garante uma estrutura sólida resistente (não racha) e higiênica, pois sua superfície lisa e brilhante é fácil de limpar e não retém resíduos, umidade ou cheiro. É o melhor custo X benefício do mercado.

Anúncios

Sabe-se que é difícil ter um padrão muito correto em todos os locais de acesso da população e ainda estamos longe de poder favorecer a todos o direito de ir e vir, principalmente quando se trata de pessoas com deficiência seja ela de qualquer natureza. Neste quadro encontramos uma situação bastante agravante quando reduzimos esta busca pelo acesso às escolas e quando tratamos de crianças que são ainda mais excluídas. Pode-se observar que em escolas públicas este acesso é ainda mais deficitário e está longe de uma solução.

Cada vez mais o livre acesso de pessoas, sejam crianças ou adultos homens ou mulheres, em todos os lugares estão sendo possíveis graças a mudanças no estilo de construções aliadas as conscientizações das pessoas no sentido de facilitar cada vez mais a acessibilidade de todos.

mobilidade com autonomia e segurança, constitui um direito universal e resulta das conquistas sociais e do conceito de cidadania.

Seja um bom exemplo, deixe seu banheiro acessível com os produtos do  Meu Banheiro.  Ligue para (11) 3032-0074.

Assento Decorado com Tubarões em Poliéster

Assento Padrão Oval Decorado com Tubarões em Poliéster Carinapara Ideal Standard.

Existem alguns mitos relacionados às pessoas com deficiência, em geral alimentados pela sociedade em virtude da falta de convivência e familiaridade. Um deles é a associação da paralisia cerebral com deficiência intelectual. Uma até pode estar associada à outra, mas isso não é regra, pois são quadros muito distintos.
Há vários tipos de paralisia cerebral, relacionados com a localização e a extensão da lesão no cérebro, mas a lesão necessariamente não chega a atingir o intelecto. Quando a lesão está localizada nas áreas que modificam ou regulam o movimento, a criança apresenta movimentos involuntários, que estão fora de seu controle e permanecem durante a fase de desenvolvimento e na idade adulta.
Fonte: http://www.bengalalegal.com/paralisia
Seja um bom exemplo, deixe seu banheiro acessível com os produtos do  Meu Banheiro. Ligue para  (11) 3032-0074
Lavatório com coluna suspensa DECA L510
Lavatório com coluna suspensa para deficientes, modelo Vogue Conforto Deca L 510 (455 x 355 mm) cor branca. Especial para banheiro de deficientes.

Na tarde de 20 de julho o Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Itabira (CMDPDI) promoveu um debate sobre a escolarização de pessoas com deficiência, no auditório da Funcesi. Sob o tema “Encontro de Informação, Educação é Inclusão”, foram abordados pontos relativos à efetivação dos direitos pessoais e sociais dos deficientes, o exercício da cidadania e os resultados práticos após a mobilização.

A presidente da Apae fez diversas avaliações: “Com 30 anos de luta pela causa, vejo que a inclusão começou agora”, analisou Emídia. Ela ainda afirmou que para que aconteça integralmente a inclusão, deve primeiro haver a acessibilidade. Para ela, não adianta fazer essa inserção sem que haja aparatos para garantir a mobilidade. Emídia defende a importância de o deficiente passar pelo processo de inclusão, mas primeiro precisa ter o direito de ir e vir.  A presidente disse que para ser feliz não basta saber ler e escrever.

Seja um bom exemplo, deixe seu banheiro acessível com os produtos do  Meu Banheiro.  Ligue para (11) 3032-0074.

 Assento Bidet Hyunday HB 3500 Termofixo

Assento Sanitário com ducha higiênica acoplada (sem energia elétrica); Ducha higiênica com moderno acionamento hidráulico. Com um simples e suave toque na alavanca, 2 sistemas de higienização podem ser acionados; .Ducha higiênica geral; .Ducha higiênica suave frontal (feminina). – Pressão da ducha é ajustável; – Seguro e higiênico; – Possui sistema de auto lavagem da ducha; – Sistema de fechamento da tampa e assento suave; – Fácil operação; – Fácil instalação; – Fabricado com moderna tecnologia anti bactéria.

Foi determinado pelo Juízo da 1ª Vara Cível de Itaboraí que a Prefeitura, a Secretaria Municipal de Saúde, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento e a Câmara dos Vereadores providenciem, no prazo de um ano, as adaptações necessárias em seus prédios públicos para garantir a acessibilidade e o atendimento prioritário das pessoas com deficiência.

O Ministério Público também solicita que os órgãos do Poder Executivo do Estado em Itaboraí façam as alterações necessárias em seus prédios para garantir a acessibilidade.

O Juiz Daniel da Silva Fonseca afirma em sua decisão que o inquérito civil demonstra “a existência de inúmeras providências tomadas pela Promotoria de Tutela Coletiva desta Comarca na tentativa de equacionar extrajudicialmente as deficiências estruturais dos prédios públicos existentes no Município de Itaboraí com vista à acessibilidadepelas pessoas com deficiência.”

A promotora Karine Susan Oliveira Gomes de Cuesta ressalta a importância da decisão liminar e espera que a mesma determinação seja estendida aos órgãos do Governo do Estado do Rio de Janeiro em Itaboraí.

Informações retiradas do site http://www.jb.com.br/

Seja um bom exemplo, deixe seu banheiro acessível com os produtos do  Meu Banheiro.  Ligue para (11) 3032-0074.

Assento Oval Padrão Transparente Azul em Poliéster

Assento Oval Padrão Transparente Azul em Poliéster Carina para Ideal Standard.

Uma cartilha do Ministério Público Federal, apoiada pelo Ministério da Educação (MEC), que determina a inclusão em escolas comuns de todas as crianças com deficiência tem provocado polêmica e evidenciado uma briga entre duas correntes de especialistas do setor.

De um lado, há os que defendem o direito de todo deficiente de estudar com outras crianças e acreditam que isso levará a uma abertura da escola à diversidade, mudando a educação no País. Do outro, estão tradicionais associações que mantêm escolas especiais e afirmam que certos graus de deficiência não permitem a inclusão. Para elas, também não há preparo de professores e estrutura na rede pública de ensino para receber todos esses novos alunos.

Fonte:http://www2.uol.com.br/aprendiz/guiadeempregos/eficientes/noticias/ge300505.htm

Seja um bom exemplo, deixe seu banheiro acessível com os produtos do  Meu Banheiro. Ligue para(11) 3032-0074.

Assento Poliéster bolhas 

Assento Sanitário Poliéster – Indicado para todos os tipos de banheiros.

A maioria das cidades brasileiras não tem auto-escolas autorizadas ou preparadas para dar aulas de direção em carros especiais, adaptados para deficientes.

Deficientes físicos que querem dirigir encontram uma dificuldade que vai além das provas e exames necessários para tirar a habilitação. São José dos Campos é a única cidade da região onde há banca examinadora e uma autoescola preparada para receber esses alunos. Quem mora em Jacareí, por exemplo, precisa vir para a cidade vizinha.

Por lei as autoescolas não são obrigadas a ter um carro especial. As empresas alegam que é impossível ter um carro para todos os tipos de deficiência, pois cada limitação vai exigir uma adaptação diferente. Segundo o Detran, é permitido que o deficiente aprenda a dirigir no próprio carro. Neste caso, ele precisa ter o veículo adaptado antes de saber dirigir. “Muitas vezes o carro tem que ser automático, o mais comum da adaptação é o volante, a embreagem, e o freio”, conta o proprietário da autoescola.

Informações retiradas do site deficiente.com.br

Seja um bom exemplo, deixe seu banheiro acessível com os produtos do  Meu banheiro.  Ligue para (11) 3032-0074.

PLACA ADESIVA P.N.E. med: 20 x 20 cm aluminio 

PLACAS DE SINALIZAÇÃO PARA DEFICIENTES FÍSICOS COM FIXAÇÃO POR FITAS DUPLA FACE. EM ALUMÍNIO DE 3,0 mm. PRAZO DE ENTREGA DE 15 DIAS APÓS PEDIDO CONFIRMADO

Próxima Página »